Luís Pedra Silva

FRAUNHOFER PORTUGAL + CLINICA DE IMPLANTES EM BRIGHTON

Fraunhofer Portugal

O Atelier Pedra Silva Arquitectos foi selecionado, mediante um concurso lançado pela instituição, para a realização do projecto das novas instalações no Porto, situadas no edifício do Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC). O projecto proposto vai de encontro à filosofia de inovação da Fraunhofer, através de uma mensagem simples, mas afirmativa e dinâmica, amplamente enquadrada na investigação já efectuada pela própria Fraunhofer. O novo espaço de investigação tem uma área de 1.660m² divididos em dois pisos. A circulação é a espinha dorsal do projecto e acontece ao longo da grande fachada cortina. A partir desta circulação longitudinal faz-se o acesso aos vários espaços dos escritórios. Estes espaços, de dimensão e função variada, são gerados a partir de um gesto forte que determina todo o funcionamento e imagem do conjunto: um plano que ondula no grande espaço vazio, gerando espaços habitáveis maiores ou menores e mais ou menos privados de trabalho.

Clinica de Implantes em Brighton

No mundo da medicina, onde a tecnologia de ponta e a ciência são factores chave nos serviços prestados aos clientes, surgiu a oportunidade de lançar as premissas para o projecto de uma clínica dentária – a Brighton Implant Clinic. O lugar é um edifício Vitoriano, construído em tijolo de burro, em Brighton, no Reino Unido, constituído por uma cave e quatro pisos acima do solo. A clínica é composta por um laboratório de próteses dentárias, onde dentaduras e implantes são fabricados no mesmo dia em que o paciente faz a consulta, permitindo-lhe sair da clínica com o tratamento concluído sem ter que regressar para mais intervenções no futuro. A clínica tem ainda um scanner TAC de última geração que permite obter imagens tridimensionais do crânio assistindo os cirurgiões na colocação dos implantes.

Luís Pedra Silva nasce na África do Sul em 1972, país onde reside e estuda integrado em escolas anglo-saxónicas e no British Royal School of Music onde estuda piano até ao 6º grau. Faz o seu primeiro ano de arquitectura na Technikon of Witwatersrand School of Architecture em Joanesburgo, onde funda o Wits Tech Photographic Association. Segue os estudos em Portugal na FAUTL e faz dois intercâmbios de ensino: Faculty of Architecture at University of Witwatersrand em Joanesburgo e Euskal Herriko Unibersitatea, no País Basco. Frequenta ainda entre 2002 e 2003 o Mestrado em Construção do IST. Em 2003 funda o atelier Pedra Silva Arquitectos, onde desenvolve um trabalho projectual de visão abrangente e multidisciplinar, muito ligada à construção, mas ligada sobretudo à criação de soluções espaciais e operativas. Esta visão tem vindo a ser distinguida em alguns prémios, todos internacionais como é o caso para este projecto do “Building of the Year Award 2011” da Archdaily. Pedra Silva Arquitectos tem dependências em Brighton e Maputo.

Editor

José Manuel das Neves