Aires Mateus

CENTRO DE MONITORIZAÇÃO E INVESTIGAÇÃO DAS FURNAS + CASA AROEIRA Centro de Monitorização e Investigação das Furnas

Foi intenção do projecto evocar a paisagem arquitectónica dos Açores, numa linha de continuidade com as formas e os materiais que moldam a memória colectiva da ilha e do arquipélago, e do qual são já, pela força do tempo, uma espécie de segunda natureza. Assim os edifícios são volumes arquetipais, simples e compactos, revestidos com a pedra basáltica da região.

Casa Aroeira

A forma hexagonal do lote perde-se pela inexistência de vedações, diluindo o terreno nos pinhais. A casa parte do limite possível de construção com a mesma forma do lote. Disposta em torno de um pátio, a casa desenha os espaços na extensão deste. Partindo de uma forma caprichosa, encontra no desenho da pala um primeiro confim preciso. Os espaços de apoio resolvem a geometria, serenando os espaços principais.

Francisco Aires Mateus, Lisboa, 1964. Arquitecto pela FAUTL, 1987. Manuel Aires Mateus, Lisboa, 1963. Arquitecto pela FAUTL, 1986. Ambos colaboraram com o arquitecto Gonçalo Byrne de 1983 a 1988. Desde então, Francisco e Manuel Aires Mateus formam ateliers participando em diversos projectos em conjunto.

Editor

José Manuel das Neves